Key Message Update

Season C production expected to be above-average

Agosto 2018

Agosto - Setembro 2018

Outubro 2018 - Janeiro 2019

CIF 2.0 Fase de Insegurança Alimentar Aguda Baseado

1: Minima
2: Stress
3+: Crise ou pior
Poderia ser pior sem a assistência
humanitária em vigor ou programad
A maneira de classificação que utiliza FEWS NET é compatível com a CIF. A análise compatível com a CIF segue os protocolos fundamentais da CIF mas não necessariamente reflete o consenso dos parceirosnacionais com respeito a segurança alimentar.
Para os países de Monitoreo Remoto, FEWS NET utiliza um contorno de cor no mapa CIF para representar a classificação mais alta da CIF nas áreas de preocupação.

CIF 2.0 Fase de Insegurança Alimentar Aguda Baseado

1: Minima
2: Stress
3: Crise
4: Emergência
5: Fome
Poderia ser pior sem a assistência humanitária em vigor ou programad
A maneira de classificação que utiliza FEWS NET é compatível com a CIF. A análise compatível com a CIF segue os protocolos fundamentais da CIF mas não necessariamente reflete o consenso dos parceirosnacionais com respeito a segurança alimentar.

CIF 2.0 Fase de Insegurança Alimentar Aguda Baseado

1: Minima
2: Stress
3+: Crise ou pior
Poderia ser pior sem a assistência
humanitária em vigor ou programad
A maneira de classificação que utiliza FEWS NET é compatível com a CIF. A análise compatível com a CIF segue os protocolos fundamentais da CIF mas não necessariamente reflete o consenso dos parceirosnacionais com respeito a segurança alimentar.
Para os países de Monitoreo Remoto, FEWS NET utiliza um contorno de cor no mapa CIF para representar a classificação mais alta da CIF nas áreas de preocupação.

CIF 2.0 Fase de Insegurança Alimentar Aguda Baseado

Países com presença:
1: Minima
2: Stress
3: Crise
4: Emergência
5: Fome
Países sem presença:
1: Minima
2: Stress
3+: Crise ou pior
Poderia ser pior sem a assistência
humanitária em vigor ou programad
Para os países de Monitoreo Remoto, FEWS NET utiliza um contorno de cor no mapa CIF para representar a classificação mais alta da CIF nas áreas de preocupação.

As mensagens-chave

  • Wetter-than-normal marshlands and an early start to the second rainy season are likely to result in above-average season C production. Households recovering from earlier March – May flooding, particularly in Mutimbuzi and Gihanga communes, and eastern border communities hosting many returnees from Tanzania are likely to remain Stressed (IPC Phase 2) through January. However, the combination of season B household stocks, season C harvest, and forecast of cumulative above-average rainfall for season 2019 A is likely to support None (IPC Phase 1) outcomes for most households beyond January 2019.

  • Staple food prices in July were below July 2017 prices, except for sweet potatoes. However, gasoline and diesel prices increased in August by 4.4 and 6.6 percent, respectively, and are likely to cause food prices to rise more than normal due to higher transportation costs. This is expected to constrain household purchasing power at the peak of the lean season in November. Until then, quasi-normalization of trade with Tanzania, which will help mitigate food price increases, and poor households’ ability to expand normal livelihoods strategies such as crop sales and agricultural labor will moderate the immediate impact.

  • Registered refugees returning from Tanzania, which have averaged 3,600 per month since September 2017, are transported by UNHCR to their areas of origin and typically receive a 3-month food ration from WFP. Many returnees are also accessing family support, and it is likely that most households are in Stressed (IPC Phase 2). In contrast, Congolese refugees living in camps, numbering 43,000 as of July, are entirely reliant on humanitarian assistance, which maintained Stressed! (IPC Phase 2) outcomes in August.

About FEWS NET

A Rede de Sistemas de AlertaPrecoce de Fome é líder na provisão de alertas precoces e análises relativas à insegurança alimentar. Estabelecida em 1985 com o fim de auxiliar os responsáveis pela tomada de decisões a elaborar planos para crises humanitárias, a FEWS NET provê análises baseadas em evidências em cerca de 35 países. Entre os membros implementadores refere-se a NASA , NOAA, USDA e o USGS, assim como a Chemonics International Inc. e a Kimetrica. Leia mais sobre o nosso trabalho.

  • USAID Logo
  • USGS Logo
  • USDA Logo
  • NASA Logo
  • NOAA Logo
  • Kilometra Logo
  • Chemonics Logo